Britânica foi obrigada a ter relações sexuais com 1.800 homens

Annabelle Forest, uma  britânica que foi obrigada a dormir com homens dos  7 aos 17 anos de idade, contou sua história em um livro intitulado The Devil on The Doorstep: My Escape from a Satanic Sex Cult. Tradução: O Diabo à Porta: Meu Escape de um Culto Sexual Satânico.

Annabelle foi compelida por sua mãe durante anos a ter relações sexuais com homens. A mãe, Jacqueline Marling, fazia parte de um culto satânico na cidade de Llanelli, no País de Gales com alguns vizinhos, um deles, Colin Batley, líder do grupo, que viria a ser padrasto de Forest.

Marling  apresentou Annabelle ao culto satânico aos 7 anos. Annabelle foi violentada duas vezes por Colin, seu padrasto, aos 11 anos. Aos 14 anos, ela foi obrigada a ter relações em grupo, incluindo a sua mãe. A jovem também teve de se prostituir para arrecadar dinheiro para a igreja. Colin estuprava outras crianças além de Annabelle, ele alegava que elas estavam agradando aos deuses. Ele sempre iniciava com canções e usava uma capa com capuz, as pessoas não podiam encará-lo. Em sua casa, havia cobras em uma espécie de altar.

Com 17 anos, ela engravidou de Colin e fugiu de casa um ano após o nascimento da criança.

Viu sua mãe e Colin em 2011 no julgamento. Ambos foram condenados por abuso sexual.

“Eu fui assistir à sentença na corte porque queria vê-la pela última vez. Ninguém no mundo pode me machucar mais do que os dois”, afirmou Forest.

Fonte: Daily Mail

Comentários