Pular para o conteúdo

Elon Musk quer levar pessoas ao redor da Lua: o que se sabe sobre futuras viagens da SpaceX?

Elon Musk quer levar pessoas ao redor da Lua: o que se sabe sobre futuras viagens da SpaceX? — Foto: Reuters

A SpaceX, empresa de foguetes do bilionário Elon Musk, já planeja a segunda viagem de turistas espaciais ao redor da Lua, antes mesmo de ter feito a primeira. A expectativa é que essas missões sejam realizadas agora em 2023.

A companhia planeja voos de cerca de uma semana cada um com a nave Starship, que ainda não fez nenhum voo à órbita terrestre. O veículo é apontado por Musk como o futuro meio para transportar pessoas para Marte.

Quais são as missões da SpaceX para a Lua?

 

A SpaceX tem dois voos previstos para a Lua:

  1. dearMoon (ou “querida Lua”), com o empresário japonês Yusaku Maezawa;
  2. Missão ainda sem nome, com o empresário americano Dennis Tito e sua esposa Akiko Tito.

 

Antes dessas missões, a empresa planeja o primeiro voo da Starship, que não terá passageiros e irá à órbita da Terra. Musk afirmou que pretendia fazer este lançamento em novembro, mas a data não foi confirmada pela empresa.

A nave também fará um voo à órbita terrestre dentro do programa Polaris com o empresário Jared Isaacman, que já esteve em uma missão da SpaceX em 2021.

Quando os voos serão realizados?

 

As datas exatas para as viagens ainda não foram divulgadas pela SpaceX, mas a expectativa é que elas sejam realizadas este ano. Os dois voos deverão ter quase uma semana de duração.

Como serão as viagens?

 

O plano de voo da dearMoon indica que a nave Starship ficará alguns minutos na órbita terrestre até iniciar um procedimento em direção à Lua, etapa que levará mais de dois dias. A volta em torno do satélite vai durar mais um dia e, então, a espaçonave retornará à Terra em cerca de dois dias.

Como será o dearMoon, primeiro voo da SpaceX ao redor da Lua — Foto: Wagner Magalhães/g1

Como é o foguete Starship?

 

A Starship é a espaçonave (também chamada de segundo estágio) que a SpaceX pretende usar para levar pessoas e cargas para a órbita terrestre, a Lua e Marte. Para decolar, ela conta com o foguete (ou primeiro estágio) chamado de Super Heavy.

Assim como outros equipamentos espaciais da empresa de Musk, a Starship e o Super Heavy foram desenvolvidos para serem usados em mais de uma viagem.

A SpaceX faz voos de teste com a Starship desde 2019, mas o primeiro pouso com sucesso ocorreu apenas em maio de 2021, no voo mais recente da nave. O veículo explodiu nas quatro tentativas anteriores de voos de alta altitude.

Quem serão os passageiros?

000 9u8972
Yusaku Maezawa antes de embarcar na espaçonave Soyuz MS-20 em 8 de dezembro de 2021 — Foto: Kirill Kudryavtsev/AFP

Na dearMoon, primeira missão da SpaceX à Lua, o empresário do ramo da moda Yusaku Maezawa, de 46 anos, viajará acompanhado do DJ Steve Aoki, do rapper sul-coreano T.O.P e de outros artistas.

Maezawa é o fundador da Zozotown, maior loja online de roupas do Japão e tem fortuna de US$ 1,5 bilhão (R$ 8 bilhões), segundo a Forbes.

Em dezembro de 2021, o empresário viajou a bordo da espaçonave russa Soyuz e ficou 12 dias na Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês).

fe3y1f9uyaa2g5s
Dennis e Akiko Tito são os dois primeiros tripulantes do segundo voo espacial comercial da Starship ao redor da Lua — Foto: Divulgação/Space X

No segundo voo, os primeiros passageiros confirmados são o empresário americano Dennis Tito, de 82 anos, e sua esposa Akiko Tito, 57, investidora no ramo imobiliário e piloto de avião (casal da foto acima).

Em 2001, Dennis pagou US$ 20 milhões e se tornou o primeiro turista a visitar a Estação Espacial Internacional. Assim como Maezawa, ele viajou na nave russa Soyuz.

Fonte: G1

Comentários
Publicidade

Deixe um comentário

Aviso: os comentários são de responsabilidade dos seus autores e não refletem a opinião do Portal Integração. É proibida a inclusão de comentários que violem a lei, a moral e os princípios éticos, ou que violem os direitos de terceiros. O Portal Integração reserva-se o direito de remover, sem aviso prévio, comentários que não estejam em conformidade com os critérios estabelecidos neste aviso.

Veja também...

Portal Integração