Publicidades
Saúde

Estudos da USP mostra que própolis reduz tempo de hospitalização em pacientes infectados da covid-19

Levantamento da USP (Universidade de São Paulo) apontou que o uso da própolis no tratamento de pacientes infectados com o novo coronavírus pode ajudar a diminuir o tempo de internação.

O estudo “Eficácia da Própolis como Tratamento Adjuvante para Pacientes com COVID-19 Hospitalizados: Um Ensaio Clínico Randomizado Controlado” conduzido em colaboração com Apis Flora avaliou 124 pessoas no Hospital San Rafael em El Salvador.

Todos os pacientes receberam tratamento padrão, 40 pessoas usaram 400 mg de própolis por dia, 42 receberam 800 mg / dia de própolis e 42 não receberam própolis. O grupo que não fez uso da própolis ficou internado por 12 dias, enquanto o tempo médio de internação dos pacientes em uso da substância foi de 6 a 7 dias. Segundo o portal UOL, a pesquisa ainda não foi revisada ou publicada. Para provar isso, são necessárias mais pesquisas com mais pessoas e outros métodos científicos. Os pesquisadores acreditam que o motivo da redução do tempo de internação hospitalar é que a própolis pode interferir em uma proteína que participa da disseminação e disseminação dos vírus no corpo, e a ancoragem dos vírus nas proteínas os ajuda a entrar nas células.

O estudo também descobriu que os pacientes que tomaram 800 mg por dia tiveram uma incidência menor de danos renais. O grupo controle apresentou 23,8% de danos, contra 4% daqueles que tomaram a maior dose de própolis. Para aqueles infectados com o vírus que causa a Covid-19, a lesão renal pode ser um fator de risco. O estudo não registrou eventos negativos e deve ser expandido em um ensaio clínico duplo-cego com placebo envolvendo mais pacientes. Apesar dos resultados, não há evidências científicas de que a ingestão diária de própolis possa prevenir a doença. O melhor tratamento para o coronavírus ainda é evitar aglomeração e distanciamento social, usar máscara, manter as mãos limpas e evitar tocar no nariz, boca e olhos se as mãos não estiverem limpas.

 

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar