Publicidades
Saúde

Fiocruz aponta risco iminente de colapso no sistema de saúde do Brasil

Na tentativa de frear o vírus, governadores têm imposto restrições e decretado até lockdown.

Dezoito Estados brasileiros estão com mais de 80% dos leitos de UTI destinados ao tratamento da covid-19 ocupados, o que indica a iminência de colapso generalizado do sistema de saúde do País. O alerta é da pesquisadora Margareth Portela, do Observatório Fiocruz Covid-19, que faz o levantamento para o boletim quinzenal da instituição. Na tentativa de frear o vírus, governadores têm imposto restrições e decretado até lockdown.

O novo boletim completo só sairá na semana que vem. Mas a pesquisadora adiantou a informação sobre os leitos de UTI a pedido do Estadão, diante da gravidade da situação. No relatório da semana passada, eram doze os Estados na chamada zona crítica de alerta. Segundo ela, esta é a pior situação registrada desde o início da pandemia.

Na tarde desta segunda, 1º, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) defendeu a adoção imediata de lockdown nos Estados em que os leitos de covid-19 tenham alcançado mais de 85% de ocupação. Em comunicado, o órgão também defendeu a adoção de toque de recolher nacional, das 20h às 6h em todo o País. A medida vigoraria inclusive nos fins de semana. O Conass também pregou a suspensão do funcionamento das escolas. O Brasil enfrenta o pior momento da epidemia, afirmaram os gestores.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: GP1

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo