Publicidades
Politica

Maia descarta abrir processo de impeachment contra Bolsonaro

Informação foi confirmada pelo líder do PT na Câmara, Ênio Verri. Possibilidade foi aventada no início da manhã

Líder do PT na Câmara, o deputado Ênio Verri (PR) afirmou, nesta segunda-feira, 1°, que o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), não vai abrir o processo de impeachment contra o chefe do Executivo, Jair Bolsonaro (sem partido), como vem sendo especulado desde cedo.

“Ele [Maia] disse que não vai abrir [o processo de impeachment]”, anunciou Verri a jornalistas, ao sair do gabinete da presidência da Câmara.

A hipótese de abrir um dos 63 pedidos de impeachment foi aventada pelo presidente da Câmara a aliados, após o DEM decidir, na noite desse domingo (31/1), abandonar o bloco de Baleia Rossi (MDB-SP) e optar pela neutralidade na disputa na presidência da Casa. Maia é o principal articulador da candidatura de Baleia.

O líder do PT se reuniu com Maia para resolver a questão da adesão da sigla ao bloco do candidato Baleia Rossi (MDB-SP). O Partido dos Trabalhadores havia realizado o registro na Mesa Diretora após o prazo, que vencia às 12h.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Metrópoles

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar