Psicóloga destaca ações preventivas em Oeiras no dia Mundial de Prevenção ao Suicídio

109

A psicóloga Milena Faustino, coordenadora do NUVV (Núcleo de Valorização da Vida) participou do programa Manhã na Educativa, desta segunda-feira (10) da rádio Cristo Rei.

Em sua participação na emissora, destacou a campanha “setembro Amarelo” lançado pelo núcleo na última quinta-feira (06) em via pública na avenida Antônio Reinaldo de Sousa, em frente ao Hospital Regional Deolindo Couto, e contou com a presença de populares e profissionais de saúde.

A campanha se justifica pelas espantosas estatísticas sobre o tema, apuradas no Brasil pelo CVV, Centro de Valorização da Vida e pela OMS, Organização Mundial de Saúde. No mundo, a cada 45 segundos uma pessoa se suicida, e no Brasil a cada 45 minutos uma pessoa tira a própria vida. Esses números não contabilizam as pessoas que tentam, mas não conseguem concretizar o suicídio.

Falar do suicídio nunca é demais foi o que disse a psicóloga em entrevista concedida ao radialista Claudevândio Macêdo “o setembro amarelo não é importante somente nesse mês, mais sim durante todo o ano, a cada dia os números vêm aumentando e isso é preocupante” afirmou Faustino. De acordo com ela “ a meta é realizar uma série de atividades durante este mês como palestras e outros. O diálogo é algo importante para prevenção ao suicídio. Tudo isso, voltado para a valorização da vida e prevenção ao suicídio. Esse é um trabalho que se faz junto, ajudando a quem precisa” concluiu Milena.

Ela defende a realização de mais políticas públicas, a exemplo do que se vem sendo feito em Oeiras com o NUVV — Núcleo de Valorização da vida com o Plantão Psicológico, que oferece atendimento gratuito a população em atendimento diário de domingo a domingo no hospital Deolindo Couto.

 

Por Claudevandio Macêdo

Comentários