Publicidades
DestaqueOeiras

Oeiras teve 133 estabelecimentos comerciais fechados por descumprimento ao decreto estadual

Por desobediência ao decreto estadual que vigorou durante o final de semana, a Polícia Militar fechou 133 estabelecimentos comerciais em Oeiras. Dos estabelecimentos fechados, alguns foram notificados, sendo lavrado o TCO-Termo Circunstanciado de Ocorrência, durante o sábado e domingo.

De acordo com informações do subcomandante da Polícia Militar de Oeiras, Major Santos, além dessas ocorrências, 472 pessoas foram abordadas e orientadas; 157 veículos (carros e motos) foram abordados; 10 infrações de trânsito e 03 ocorrências relevantes, sendo a mais grave um caso de estupro no povoado Morro Redondo.

A Polícia Militar juntamente com a Vigilância Sanitária, também realizou uma ação na localidade Café da Rosa, na noite de sábado, 06, após a PM receber uma denúncia que o Bar da Manga estava aberto e no local estava havendo uma aglomeração. O local foi fechado e o proprietário notificado por descumprir o decreto estadual.

O Major Santos ressalta que as fiscalizações continuarão e alerta que a Polícia Militar pode lavrar TCO, que é um documento similar ao inquérito policial e é lavrado quando a autoridade policial verifica a ocorrência de uma infração de menor potencial ofensivo, ou seja, aquelas contravenções penais e os crimes a que a lei comine pena máxima não superior a 2 (dois) anos, cumulada ou não com multa.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo