Publicidades
Geral

Pacientes com sequelas pós-Covid podem fazer tratamento gratuito no Piauí; saiba como

O Piauí possui cerca de 160 mil pessoas recuperadas do coronavírus desde o início da pandemia, mas muitas ainda convivem com sequelas da doença. Para atender esses pacientes, foram criados dois Centros de Reabilitação Especializados Pós-Covid em Teresina e Parnaíba.

Os atendimentos são gratuitos e realizados nos Centros Integrados de Reabilitação (Ceir). Apenas em Teresina, a capacidade de atendimento é para 200 pacientes. Atualmente, apenas 65 pessoas usufruem dos serviços na capital.

A técnica em enfermagem Maria da Cruz Silva chegou a ficar com 30% do pulmão comprometido e com taxas alteradas no fígado e pulmão. Após receber alta do hospital, ela precisou de um tratamento para melhorar a respiração e diminuir o cansaço.

“Me sinto bem melhor em relação ao que estava. Eu fazia atividades muito pouco. Hoje, eu já voltei a trabalhar”, disse.

Tratamento

O médico pneumologista Abel Barros Araújo explicou que pacientes infectados pelo coronavírus têm alta tendência de apresentarem sequelas, geralmente musculares e respiratórias.

“O vírus atinge diretamente o pulmão e provoca uma cascata inflamatória, que vai levar algumas semanas a meses para se resolver. Durante a fase aguda, muitos pacientes vão precisar de algumas terapias, como a ventilação não-invasiva ou mesmo a invasiva de UTI. Mas mesmo pacientes com quadros mais leves, podem persistir com esse quadro respiratório mais prolongado, que vai limitar a qualidade de vida”, disse.

Segundo o fisioterapeuta Evandro Nogueira, muitas pessoas desenvolvem limitações motoras leves e, com isso, a fisioterapia se torna essencial na recuperação.

“A fisioterapia atua na parte motora, com instrumentos de fortalecimento e na parte respiratória, com exercícios e a ventilação não-invasiva”, disse.

Como fazer

Os pacientes que apresentarem sintomas persistentes de Covid-19, como falta de ar, cansaço ou fraqueza muscular, devem se dirigir ao posto de saúde mais próximo de sua casa e pedir o encaminhamento para o Centro de Reabilitação Atendimento Pós-Covid.

O paciente será atendido e, caso comprovada a necessidade, será incluído no programa de reabilitação.

Fonte: G1 Piauí

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar