Publicidades
Noticias

Picoenses partem em busca de trabalho nas obras da Copa do Mundo 2014

 

Picoenses partem em busca de trabalho nas obras da Copa do Mundo 2014 1
Sede do Sintracs em Picos – Foto: Romário Mendes

Vários picoenses estão partindo para outras cidades brasileiras em busca de oportunidades de emprego nas obras da Copa do Mundo de 2014. Não é pouco o número de ônibus e vans que já saíram da cidade levando  pessoas com destino a Fortaleza e outras capitais que vão sediar os jogos da próxima copa, que será realizada no Brasil. Essa migração vem preocupando o Sindicato dos Trabalhadores  no Comércio e Serviços de Picos (SINTRACS).

Segundo Marcos Holanda, presidente do SINTRACS, a migração dessas pessoas para outras cidades se deve ao fato de Picos não ter indústrias que absorvam esse contingente de pessoas, e ter também agricultura como base econômica – esta última prejudicada pela ausência de chuvas. “Essa migração de pessoas nos preocupa, a nossa cidade é quem perde, o comerciante vai perder e ficamos tristes com o que está acontecendo”, relata.

Marcos Holanda, presidente do SINTRACS – Foto: Romário Mendes

A preocupação do presidente tem um motivo importante: os empresários picoenses estão perdendo mão de obra para outros estados brasileiros.

Holanda critica o poder municipal e afirma que não há investimentos na vinda de novas indústrias para a cidade. “Como a cidade não tem estrutura, dificilmente que tem indústria vai investir na nossa cidade porque falta planejamento e a tendência das pessoas é migrar para outras regiões do país”, concluiu.

Fonte: Riachãonet

 

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar