Publicidades
Geral

Esquizofrênico faz piauiense refém no metrô de São Paulo

Policiais do GATE (Grupo de Ações Táticas Especiais) libertaram na tarde desta terça-feira, 08, uma mulher que foi feita refém com uma faca no pescoço na estação Adolfo Pinheiro da Linha 5-Lilás do Metrô.

A mulher foi identificada como Mariza Resende, é piauiense, mas mora em São Paulo há alguns anos, trabalhando como vendedora.

Segundo a polícia, o homem que mantinha a mulher refém sofre de esquizofrenia e, de acordo com familiares, não tinha tomado o remédio. A ação foi feita com armas não letais.

A mulher libertada foi encaminhada ao atendimento médico na UPA de Santo Amaro. O sequestrador foi preso.

Para conseguir libertar a mulher, os policiais do GATE deram um tiro de bala de borracha no lado direito do peito do homem e usaram uma arma de choque para imobilizá-lo.

A estação Adolfo Pinheiro ficou fechada por cerca de duas horas por conta da ocorrência policial.

Veja o vídeo:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Catraca Livre

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar