Publicidades
Geral

Governo do Estado transfere R$ 16,5 milhões para cofinanciamento da saúde

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Saúde, começou a repassar aos muni­cípios os recursos referentes ao cofinanciamento da Saúde e dos Hospitais de Pequeno Porte (HPP), cumprindo as­sim a primeira parcela da ne­gociação feita com a Associa­ção Piauiense de Municípios (APPM). Com isso, foram in­jetados nos municípios R$ 16 milhões e 500 mil.

As transferências do co­financiamento estão sendo realizadas para as contas dos Fundos Municipais de Saúde e para as contas dos Hospitais de Pequenos Portes. “Dessa forma o estado do Piauí cum­pre com esse compromisso de sanar esse passivo ”, afirmo se­cretário Florentino Neto.

O gestor explica ainda que os recursos foram transferidos pela Secretaria de Fazenda do Piauí (SEFAZ) para a conta da SESAPI. “A SEFAZ fez a transferência para a Secretaria de Saúde, que por sua vez está procedendo as transferências para as respectivas contas mu­nicipais. É uma forma de re­solvermos esse problema, com a predisposição de que possa­mos definir uma nova modali­dade de cofinanciamento para o futuro, que seja mais ade­quada para a construção de um Sistema Único de Saúde (SUS) cada vez mais forte”, declara o secretário.

A Secretaria de Fazenda rea­lizou um planejamento para que todo o cronograma de par­celamento seja rigorosamente cumprido. O repasse ocorre após acordo com as prefeituras, por meio da APPM.

Governador discute investimentos para saúde de Picos

O governador Wellington Dias recebeu na última quin­ta-feira (30), na Residência Oficial, a diretora do Centro de Especialidade Médicas de Picos, Maria Santana, para tra­tar de investimentos que serão trabalhados em parceira com a Prefeitura de Picos. O objetivo é garantir a sustentabilidade e as condições de viabilizar mais atendimentos em áreas espe­cializadas como a oftalmologia, pediatria e ortopedia.

De acordo com o chefe do Executivo estadual, é possível assegurar em Picos atendi­mento à população que busca por esses serviços. “Da mesma forma, tratamos das medidas que estamos implementando no Hospital Justino Luz. Nossa meta é que, até o fim de feve­reiro, tenhamos um conjuntos de obras e possamos adquirir equipamentos que regulari­zarão as pendências que esta­vam trazendo dificuldades na gestão do hospital”, comentou Wellington.

Sobre a construção do novo hospital de Picos, o governa­dor disse que é extremante necessário. “Será uma solução definitiva para os cuidados com a saúde em toda a região”, declarou Dias.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Portal O Dia

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar