Destaque

Idosa de 100 anos deixa de receber aposentadoria por ser tida como morta no Piauí

Uma senhora de 100 anos de idade, Joana Lopes dos Reis tem sua aposentadoria cortada por ser tida como morta na cidade de Pajeú do Piauí.

Mesmo debilitada Dona Joana teve que ir ao banco do Brasil na cidade de Canto do Buriti para fazer a “prova de vida” após passar dois meses sem receber a aposentadoria.

Lá descobriram que ela não recebia a aposentadoria porque já era considerada morta e teria que enfrentar toda uma burocracia para resolver a situação.

Sueli Aguiar, filha de dona Joana, informou que a situação é desesperadora e que a idosa precisa do dinheiro para comprar medicamentos e se manter.

A família procurou Defensoria Pública, mas lá informaram que o caso poderia demorar até um ano para ser resolvido.

Uma amiga da família que tenta ajudar a idosa está revoltada com a situação e fez uma postagem no Facebook para denunciar o caso. A postagem teve vários compartilhamentos, mas até o momento a situação não foi resolvida.

Fonte: 180 Graus

Comentários
Mostrar mais

Artigos relacionados

Fechar