WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe está aqui para responder às suas perguntas. Fale conosco!
Olá! Como podemos ajudar?
Geral

Mais de 1200 detentos realizaram cursos profissionalizantes no Piauí

Capacitação proporciona mais perspectivas e oportunidades para a população carcerária. 09/07/2019 14:53

 

Com o propósito de reintegrar e capacitar os reeducandos do sistema prisional do Piauí, diversos cursos são ofertados nos presídios do estado pelos programas de ensino, como o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) e o Programa de Capacitação Profissional (Procap). De 2015 a 2019, mais de 1200 detentos realizaram cursos profissionalizantes nos estabelecimentos prisionais do Piauí, proporcionado mais perspectivas e oportunidades para a população carcerária.

Um deles é o curso de Corte e Costura Industrial, ofertado pelo Procap, na Penitenciária Gonçalo de Castro Lima, em Floriano. Na unidade, já foram produzidos cerca de 1000 fardamentos para os internos, e distribuídos em unidades como a de São Raimundo Nonato, Campo Maior e Penitenciária José Ribamar Leite.

Para o gerente da Penitenciária de Floriano, João Luiz Ferreira, as oficinas são fundamentais para o processo de ressocialização. “Quando o reeducando trabalha, ele se comporta melhor e se torna mais tranquilo. E, para a ressocialização, é essencial, pois traz benefícios para a unidade, a família e para o próprio interno, pois, quando ele sair, terá com o que trabalhar”, conta João Luiz.

Segundo a coordenadora de Ensino Profissionalizante da Sejus, Alessandra Cordeiro, a capacitação profissional é de suma importância para a inserção dos detentos no mercado de trabalho. “Com as oficinas e cursos, eles já saem com outra perspectiva e aptos a ingressarem no mercado de trabalho. Todos são beneficiados”, relata Alessandra.

O Piauí é o Estado com o maior número de presos estudando no país, conforme números do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Durante todo o ano, reeducandos têm acesso a programas como Pronatec, Projovem Urbano, Encceja, EJA e revisões preparatórias pra o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Dentre os cursos ofertados estão: Horticultor Orgânico, Panificação, Auxiliar de Cozinha, Microempreendedor Individual (MEI), Maquiador, Corte e Costura Industrial, Encanador predial, Pedreiro e Mecânica de Refrigeração e Climatização.

 

 

 

Fonte: Meio Norte

Comentários

Artigos relacionados

Fechar