Publicidades
Destaque

NOTA DE REPÚDIO: Instituto de Pesquisas Vox Dei se defende de calúnias de lideranças de Fco Ayres e Cajazeiras-PI

O Instituto de Pesquisas VOX DEI, vem a público repudiar as manifestações virtuais produzidas contra esta empresa idônea, por parte do grupo político de Francisco Ayres e Cajazeiras do Piauí, que, diante do resultado de pesquisa eleitoral, cujos números não lhe foram favoráveis, tentou arguir denúncias infundadas de manipulação e fraude na referida pesquisa do tipo o Instituto não ter sede própria e funciona em um terreno baldio, registrada no TRE sob o Nº 06476/2020 e 08445/2020 realizada no período de 29/10/2020 e 05/11/2020 respectivamente.

A empresa R. S. Da Silva Pesquisas De Opinião (Instituto de Pesquisas VOX DEI) é uma empresa idônea, com CNPJ Nº 34.973.045/0001-64, com sede à Rua Adelina Monteiro, Nº 310, na cidade de Floriano, Piauí, edifício fixo, edificado, onde também reside seu proprietário, e não em terreno baldio, como de forma inverídica, foi relatado.

A empresa trabalha com pesquisadores devidamente treinados e identificados com paramentação, através de colete, crachá,  ablets e/ou smartphone com os questionários eletrônicos, prestando serviços em pesquisa de mercado, pesquisa política, coleta de dados e tomada de decisões e, apesar de pouco tempo de mercado, não é ligada e nem se envolve em questões partidárias, quando da realização de pesquisas eleitorais, cujos resultados refletem a realidade, contra a qual não há qualquer denúncia em órgãos fiscalizadores, nem na justiça, ao contrário de um dos denunciantes e coordenador da campanha da candidata Eugênia na cidade de Francisco Ayres, o Sr. Edimar Azevedo, que já foi preso, acusado de prática de prostituição contra menores de idade.

Infelizmente não só este instituto, mas todos os institutos de pesquisa têm sido alvo de tentativas constantes de rechaçamento durante suas pesquisas de cunho eleitoral, já que inevitavelmente, uma das partes se sentirá insatisfeita diante dos resultados apresentados.

O Instituto de Pesquisas Vox Dei continuará com o seu trabalho feito com muita lisura e propriedade nos dados coletados, apurados e apresentados aos seus contratantes e lamenta  que um grupo político tente denegrir a imagem de uma empresa que não faz parte do processo de disputa eleitoral, com o intuito de induzir a opinião pública contra um trabalho profissional e técnico.
Instituto de Pesquisas Vox Dei.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar