OAB-PI é contemplada com projeto de lei de doação de terreno da prefeitura municipal para construção do clube dos advogados em Oeiras

99

Foram realizadas hoje solenidades na Prefeitura e Câmara Municipais para assinatura, encaminhamento e recebimento do projeto de lei de doação de terreno para a Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Piauí destinado à edificação do Clube dos Advogados em nosso município.

A doação é fruto de conversações mantidas entre o presidente da OABPI, Chico Lucas, e o prefeito municipal, Zé Raimundo, por iniciativa e articulação do advogado oeirense Adriano Dantas de Oliveira, integrante da Comissão Estadual de Relação com o Poder Judiciário da OAB-PI, que defendeu junto à Diretoria Estadual da OAB e ao gestor municipal a celebração de uma parceria em que o município fizesse a doação do terreno e a OAB-PI promovesse a construção da sede social da classe dos advogados no município.

A doação compõe uma área de 5.000m2 (cinco mil metros quadrados) localizada no bairro Uberaba I, ao lado do portão principal de acesso à antiga edificação do Colégio Agrícola, servida de acesso pavimentado, saneamento básico, energia elétrica trifásica e água encanada.

As solenidades contaram com a presença do Prefeito Municipal, Zé Raimundo, do Chefe de Gabinete, Dr. Gustavo Rêgo, do Procurador Geral do Município, Dr. Alexandre de Deus, do Presidente da Câmara Municipal, Vereador José Alberto, dos vereadores Expedito Martins, Letiano Vieira, Beron, Paulo Fernandes e Hélio Adão, da advogada Bárbara Copeiro e dos advogados Olimpio Gomes, David Gomes, Felipe Artur Ibiapina, Júnior Mariano e Pauliano Oliveira, além de outros presentes ao evento.

A OAB-PI foi representada pelo advogado oeirense Adriano Dantas, que transmitiu os agradecimentos e a satisfação do Presidente Chico Lucas com a conquista obtida e agradeceu, na condição de articulador da parceria, a sensibilidade do gestor e dos vereadores municipais em acolher a pretensão da classe dos advogados, ressaltando a importância dessa conquista não só para os advogados e advogadas e suas famílias como para toda a sociedade oeirense e dos municípios vizinhos, ante a disponibilização de mais um centro de lazer e oferecimento de eventos sociais, esportivos e culturais no município, com reflexo direto na qualidade de vida da população.

O projeto de lei seguirá tramitação na Câmara de Vereadores para análise e aprovação e, em seguida, será formalizada a doação com a lavratura de escritura pública de doação e registro no Ofício imobiliário.

ASCOM

Comentários