Publicidades
Oeiras

Oeiras dá início às cerimonias litúrgicas da Semana Santa

As cerimonias litúrgicas da Semana Santa de Oeiras, a maior e mais tradicional do Piauí, começaram oficialmente na noite desta quinta-feira (26) com o conhecido “Dia da Fugida do Bom Jesus”. A procissão sai da Catedral de Nossa Senhora do Vitória e vai em direção à Matriz de Nossa Senhora do Rosário. O cortejo lembra o momento em que Cristo se refugiou no Monte das Oliveiras.

 

Não se sabe ao certo quando iniciou essa manifestação religiosa, mas alguns estudos apontam que a mesma tenha iniciado por volta de meados do século XIX. Inicialmente era acompanhada apenas por homens, fazendo analogia com os textos bíblicos do Novo Testamento, que relata a ida de Jesus ao Monte das Oliveiras junto com seus discípulos.

 

O cortejo chega ao largo do Rosário e repete naquele lugar o mesmo trajeto: passa pela frente do que um dia foi o primeiro hospital de caridade do Piauí, a imagem adentra à igreja e já sobre a mesa, ao derredor desta, a cristandade espera ansiosa pela retirada do toldo, onde, de fato, é apresentada a imagem do Bom Jesus dos Passos, que suavemente é envolvida pelo incenso e pela melodia gregoriana do Miserere (salmo 50) e assim, sob o signo da fé, aguardam o dia vindouro para a celebração da Sexta-Feira de Passos.

 

Já nesta sexta-feira (27) ocorre a procissão do Bom Jesus dos Passos, que deve atrair mais de 40 mil romeiros vindos de várias partes do país, pagando promessa e vestindo roxo. No período, o título de “Capital da Fé”, atribuído ao município, se intensifica e o turismo religioso movimenta a economia local, aumentando em cerca de 80% o fluxo de turistas em hotéis e pousado da cidade, além do aquecimento no comércio.

 

A procissão é uma celebração que encena, pelas ruas da cidade, todos os passos de Jesus até sua morte na cruz (Via-Crucis). A procissão do Bom Jesus dos Passos é uma das mais antigas manifestações religiosas do Piauí, tendo indícios de que possa ter iniciado em 1805, entretanto a data mais aceita pelos historiadores é 1856.

SAM_0016 (Cópia) SAM_0018 (Cópia) SAM_0031 (Cópia)

Comentários

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo