Publicidades
Esportes

Olimpíadas de Tóquio: veja os adversários das seleções masculina e feminina

A Fifa realizou nesta quarta-feira, 21, o sorteio das chaves do torneio de futebol nos jogos olímpicos.

A Fifa realizou nesta quarta-feira, 21, o sorteio das chaves do torneio de futebol nas Olimpíadas de Tóquio. Ao todo, 16 seleções masculinas e 12 femininas participarão da competição. As partidas serão disputadas em seis cidades — Tóquio, Sapporo, Saitama, Miyagi, Yokohama e Ibaraki — entre 21 de julho e 7 de agosto.

Atual campeã olímpica, a seleção brasileira masculina abre o grupo D e vai enfrentar Alemanha, Costa do Marfim e Arábia Saudita na primeira fase de jogos. As partidas serão disputadas nos estádios de Yokohama e de Saitama. Já o time feminino ficou no grupo F e vai enfrentar China, Zâmbia e Holanda nos estádios de Miyagi e Saitama.

Confira os grupos e as datas dos jogos:

Seleções masculinas

Grupo A: Japão, África do Sul, México e França

Grupo B: Nova Zelândia, Coreia do Sul, Honduras e Romênia

Grupo C: Egito, Espanha, Argentina e Austrália

Grupo D: Brasil, Alemanha, Costa do Marfim e Arábia Saudita

Seleções femininas

Grupo E: Japão, Canadá, Reino Unido e Chile

Grupo F: China, Brasil, Zâmbia e Holanda

Grupo G: Suécia, Estados Unidos, Austrália e Nova Zelândia

Jogos da seleção masculina

Brasil x Alemanha, dia 22/07, às 5h30min (horário de Brasília), no estádio de Yokohama

Brasil x Costa do Marfim, dia 25/07, às 5h30min (horário de Brasília), no estádio de Yokohama

Brasil x Arábia Saudita, dia 28/07, às 5h (horário de Brasília), no estádio de Saitama

Jogos da seleção feminina

Brasil x China, dia 21/07, às 5h (horário de Brasília), no estádio de Miyagi

Brasil x Holanda, dia 24/07, às 8h (horário de Brasília), no estádio de Miyagi

Brasil x Zâmbia, dia 27/07, às 8h30min (horário de Brasília), no estádio de Saitama

Preparação

A seleção brasileira, treinada por André Jardine, já negocia com os principais clubes da Europa a liberação de atletas que atuam no continente. O torneio de futebol masculino é limitado a jogadores sub-23 (em Tóquio a idade limite será 24 anos por causa do adiamento dos Jogos). No entanto, a regra permite que cada seleção possa convocar três atletas com mais do que 24 anos.

A comissão técnica do Brasil trabalha com a possibilidade de chamar um goleiro entre esses jogadores acima de 24 anos. Weverton, do Palmeiras, está entre os cotados. Ele foi campeão na Rio-2016, quando ficou 509 minutos sem sofrer um único gol, recorde no torneio olímpico masculino de futebol. O Weverton não foi vazado contra África do Sul, Iraque, Dinamarca, Colômbia e Honduras, até sofrer um na final contra a Alemanha, no Maracanã.

Entre as mulheres, a Alemanha, atual campeã, não se classificou para os Jogos de Tóquio. Assim, o favoritismo está com os Estados Unidos. Treinado desde 2019 pela sueca Pia Sundhage (bicampeã olímpica com os Estados Unidos) e liderado por Marta, o Brasil busca o ouro olímpico inédito.

 

 

 

 

Fonte: Estadão Conteúdo

Comentários

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo