Publicidades
Mundo

Professora é presa após fazer sexo com estudante e aumentar suas notas

Uma professora de 25 anos foi condenada a um ano de prisão por fazer sexo com um aluno, de 17, que de uma hora para outra passou a receber notas mais altas. Kalyn Thompson lecionava inglês em uma instituição de ensino médio em Oklahoma, nos Estados Unidos, segundo o “Mirror”.

O jovem afirmou que fez sexo com a professora por duas vezes, a primeira vez perto de um lago e em outra ocasião em um motel. Segundo a polícia, o estudante foi reprovado em inglês no último semestre, mas obteve média 98 neste.

Kalyn Thompson, de 25 anos, foi condenada a um ano de prisão por fazer sexo com aluno de 17; Foto:  Divulgação/ Clear Creek County Sheriff’s Office

De acordo com as investigações, a mãe do estudante descobriu as mensagens da professora em seu celular e ligou para ela pedindo que se afastasse de seu filho e não o procurasse fora da escola.

Os dois acabaram sendo flagrados por funcionários da escola, que viram a professora no carro do rapaz, e fizeram algumas fotos.

Kalyn trabalhava há menos de um ano na escola Kellyville High School quando passou a trocar mensagens com o aluno. No estado do Oklahoma, a idade para consentimento sexual é 16 anos, mas como a professora representava uma figura de autoridade, enfrentou punição.

“Isso vai persegui-la pelo resto da sua carreira. Ela provavelmente não continuará sendo professora depois disso”, disse Chrissie Underwood, autoridade responsável pelo caso.

Fonte: O Dia

Comentários
PUBLICIDADE

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo