Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email

Sesapi leva mais de 650 cirurgias de catarata para região de Floriano

A Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi) vem garantindo maior suporte a saúde da população não somente no enfrentamento à pandemia mas também na ampliação e melhorias em todas as áreas da rede estadual de saúde. Entre essas ações está a realização dos mutirões de cirurgias eletivas, que beneficiam milhares de piauienses das diversas regiões do estado.

Nesta terça-feira (23) a população de 19 municípios da região Sul doa Piauí estão sendo beneficiados pela realização de mais um desses mutirões. Serão 650 cirurgias de catarata para piauienses que residem em municípios da região de Floriano.

O diretor de Contratos Convênios e Assuntos Estratégico da Sesapi, Neris Machado Junior, acompanhou o segundo dia dos procedimentos em Floriano e fala que a ação é apenas mais uma forma do governo do estado, através da secretaria de saúde, de atender às demandas da saúde do povo piauiense.

“Durante três dias serão 650 procedimentos cirúrgicos de catarata ajudando a melhorar a visão dos piauienses dessa região de Floriano. A ideia da Sesapi é levar esse tipo de ação para todas as regiões do estado, ajudando assim a da melhoria na qualidade de vida para todos os piauienses que precisarem dessa assistência”, explica o diretor.

O Secretario de Estado da Saúde, Florentino Neto, destaca que somente esse ano de 2021 os mutirões já beneficiaram mais de 5000 piauienses por todas às regiões do estado.”Os mutirões de cirurgias organizados pelo governo do estado, através da Sesapi, são essenciais para garantir um atendimento rápido da nossa população, eles garantem que aquelas pessoas recebam um atendimento adequado e passem por um procedimento acompanhado de profissionais altamente capacitados e com equipamentos de qualidade, garantindo assim os melhores resultados. Os mutirões também são uma ferramenta importante para a descentralização dos procedimentos, garantindo que toda a população tenha acesso a assistência médica de qualidade”, destacou o secretário.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Web Piauí

Comentários

Deixe um comentário

Veja também...