Publicidades
DestaqueOeiras

Justiça decreta prisão preventiva de acusado de matar mulher a facadas em Oeiras

Foi decretada pelo Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI0), neste domingo, 22, a prisão preventiva de Francisco das Chagas Pereira do Nascimento, acusado de matar sua companheira Francisca Ferreira dos Santos a facadas, na noite do último sábado, 21, em Oeiras.

Francisca Ferreira, 42 anos, foi morta a golpes de faca horas depois de ter ido à delegacia solicitar medida protetiva de urgência contra o suspeito. Momentos após cometer o crime, Francisco das Chagas foi preso. No domingo, 22, o juiz Rodrigo Tolentino homologou a prisão em flagrante e decretou a preventiva.

“A pratica do delito em tela, denota a necessidade de resguardo da ordem pública, concretamente atingida pela ação do autuado”, declarou o magistrado.

“Após discussão com a vítima, por motivos de ciúmes, e por a vítima ter procurado a Delegacia para requerer as medidas protetivas de urgência, ele se dirigiu até a casa dela, onde desferiu vários golpes de punhal contra ela, que veio a óbito”, diz a decisão.

O juiz determinou que o suspeito seja transferido para uma unidade do sistema prisional do estado, onde ele deve permanecer enquanto o crime é investigado pela Polícia Civil. Após a investigação, o delegado pode indiciar Francisco das Chagas por feminicídio.

 

Entenda o caso

Uma mulher identificada como Francisca Ferreira dos Santos, conhecida como ‘Mocinha’ foi assassinada a golpes de facas pelo seu companheiro na noite deste sábado, 21, em Oeiras.

Segundo informações, o acusado identificado como ‘Chaguinha’, que seria companheiro da vítima, chegou ao local em que estavam morando, na Rua 7 de Setembro, no bairro Rosário e desferiu algumas facadas na vítima, que estava em companhia de uma neta, de 5 aos de idade.

Informações apontam que Mocinha havia registrado um boletim de ocorrência neste sábado contra o seu companheiro por conta de agressões e ameaças e solicitou uma medida protetiva contra o companheiro. .

Após praticar o feminicídio, o acusado fugiu do local.

 

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar