Publicidades
MancheteOeirasPolitica

Servidores públicos da rede municipal de saúde de Oeiras se manifestam por reajuste salarial

Os profissionais da rede municipal de saúde de Oeiras, enfermeiros, médicos, odontólogos e técnicos de enfermagem, se manifestaram na manhã desta quinta-feira, 28, pedindo reajuste salarial e adicional de insalubridade que tem direito previsto constitucionalmente.

De acordo com os servidores, os seus direitos estão sendo desrespeitados e ignorados. Acrescentaram ainda que apesar de ser previsto na Constituição Federal, em Oeiras há defasagem de mais de 50% nos salários. O piso salarial não tem sido considerado apesar ser também previsto na Constituição Federal.

Leia também

Representante das classes profissionais da rede pública municipal de saúde de Oeiras enfatizaram que não há implementação do plano de carreiras, cargos e salários previstos na lei que criou o estatuto dos servidores públicos municipais, e que os gestores estão desrespeitando os direitos dos trabalhadores. O adicional de insalubridade atualmente, está sendo reajustado de acordo com o valor de um salário mínimo, ao invés de incidir sobre o salário base da categoria profissional como previsto na lei estatutária.

Os profissionais concluem dizendo que, “Por fim, Oeiras, percebam que os ditos heróis, nem heróis são. São apenas profissionais de saúde no meio de uma guerra cumprindo com seus deveres, mas que necessitam, com a máxima urgência, que o Poder Público Municipal cumpra com seus deveres para conosco.”

Comentários

Artigos relacionados

Fechar
Fechar