Publicidades
DestaqueNoticiasOeirasPolitica

Vereador reclama da falta de médico na unidade de saúde do povoado Buriti do Rei, em Oeiras

beron“Está faltando médico há mais de três meses no Buriti do Rei”. A denúncia foi feita pelo vereador Beron Morais (PMDB), na sessão plenária da Câmara Municipal de Oeiras, realizada na última segunda-feira (09). De acordo com o parlamentar, a ausência de médicos na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Buriti do Rei, na zona rural da cidade, motivou moradores do povoado a procura-lo para reivindicar a regularização do atendimento.

Procurada, a secretária municipal de Saúde, Auridene Freitas, informou ao Portal Integração que o desligamento, sem aviso prévio, do médico que atuava na região e o adiamento de posse dos profissionais convocados no concurso público fizeram com que a UBS da comunidade ficasse sem médico por um período.

“O médico do PROVAB [Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica] que atuava na equipe de saúde do Buriti do Rei e Malhada Real desde outubro de 2012 fez atendimentos até meados de julho de 2015. Desde então, o profissional solicitou desligamento da equipe porque teve que assumir compromissos em outro município. A partir daí, o município iniciou a lotação dos servidores aprovados no concurso, mas os profissionais médicos convocados solicitaram adiamento de posse por 60 dias, ao tempo que, em um segundo momento, optaram por não assumir o município. Continuamos na busca de um novo servidor para assim ocupar a vaga existente, seguindo o trâmite legal de chamar o classificado. E assim a gente vem fazendo até hoje”, explica a secretária.

Auridene-Freitas

Novo médico começa a trabalhar na próxima semana, garante secretária

Auridene Freitas afirma que, para não prolongar ainda mais a ausência de médico no povoado, o município aderiu ao Programa de Provimento de Médicos para o Brasil, do Ministério da Saúde. “Fizemos a adesão solicitando um profissional para compor a equipe do Buriti do Rei. Dia 3 de novembro, o município recebeu um novo profissional, que se apresentou seguindo os trâmites legais e entrega de documentação. E ficou definido que ainda este mês os atendimentos serão retomados junto à equipe em questão”, detalha a gestora, informando que o novo médico deve começar a trabalhar na próxima semana.

A secretária destaca que, mesmo com a ausência de médico, a UBS do povoado continuou oferecendo atendimentos de saúde à comunidade. “O município em nenhum momento mediu esforços no sentido de solucionar tal situação. Ainda assim, queremos informar que, durante todo este período, todas as ações básicas envolvendo os demais profissionais não ficaram prejudicadas. A comunidade continuou sendo assistida pelo NASF, ACS, ACE, enfermagem, odontologia e outras ações de saúde”, finaliza Auridene Freitas.

 

 

Por Jadson Osório

Comentários
Etiquetas

Artigos relacionados

Fechar
Fechar